Marcando a divisa entre Minas Gerais e São Paulo, nos municípios de Extrema e Joanópolis, a Serra do Lopo é uma pequena região da Serra da Mantiqueira muito procurada não só por quem quer fazer trilhas a pé mas também por quem quer apenas dar um passeio de carro e curtir um belo visual, já que é possível chegar até as rampas de voo livre dirigindo carros de passeio e até passar a noite em uma das pousadas que ficam no topo da serra.

Mas é inegável que as vistas mais bonitas estão reservadas para os praticantes de trekking, como a vista da Pedra das Flores e, principalmente, da Pedra do Cume, bem de frente para a represa Jaguari (mais conhecida como Represa de Bragança ou de Piracaia) e, em dias claros, com vista ao sul até a Pedra Grande de Atibaia e, ao norte, até a serra de Monte Verde.

Infelizmente essa facilidade de acesso também tem atraído muita gente que não sabe se portar na natureza e, a cada visita que faço, encontro mais lixo nas trilhas e áreas de camping. Então, caso minhas fotos façam com que você visite o Lopo, por favor seja consciente e não faça barulho, não incomode os animais e, principalmente, não faça fogo e leve todo seu lixo embora.

Tour Virtual com imagens interativas em 360 graus

Abra as fotos através do mapa ou das miniaturas abaixo do mapa. As fotos podem ser giradas e o ângulo de visão pode ser aproximado ou afastado. Clicar no símbolo ‘360‘ abre outra foto e o símbolo ‘i‘ fornece informações sobre aquele local.

Pedra do Cume

Pedra das Flores

Pedra da Bauducco

Pedra dos Cabritos

Pedra do Marino / do Altar

Pedra Cinco Dedos

Rampa de voo livre (norte)

Rampa de voo livre (sul)

Pedra Sacerdotisa

Pedra Sapo

Foto aérea em 360 graus sobre a Serra do Lopo

 

Trilha para a Pedra do Cume

As fotos abaixo estão ordenadas do ponto mais distante até o mais próximo das pousadas e locais de estacionamento.

Pedra do Cume

Para curtir a vista mais bonita da serra, a 1.780 metros de altitude, é preciso caminhar 6,5 km (ida e volta) em uma trilha com algumas bifurcações. Há apenas uma subida íngreme e um pequeno trecho de trepa-pedras.

 

Pedra das Flores

A trilha para a Pedra das Flores tem 4,5 km (ida e volta) e poucas subidas, com uma vista quase tão bonita quanto a da Pedra do Cume.

 

Pedra da Bauducco

A Pedra da Bauducco fica um pouco antes que a Pedra das Flores e dá vista para o lado oposto da serra, sendo um bom local para ver o pôr-do-sol. Trilha com 4 km (ida e volta).

 

Pedra dos Cabritos

A vista da Pedra dos Cabritos é quase tão bonita quanto a da Pedra das Flores e sua trilha é ainda mais curta, com apenas 3 km (ida e volta).

 

Lago

Lago pequeno, raso e com fundo de lodo, portanto não serve para nadar. Como fica ao lado da trilha (2,5 km ida e volta), vale dar uma rápida olhada.

 

Pedra Cinco Dedos

A Pedra Cinco Dedos fica a 1,8 km (ida e volta) e tem vista parcial para os dois lados da serra, além de ser uma formação rochosa interessante.

 

Pedra do Marino / do Altar

Bem no início da trilha (1,5 km ida e volta), a Pedra do Marino, também conhecida como Pedra do Altar, fica virada para o oeste, sendo um bom local para ver o pôr-do-sol.

 

Rampas de voo livre

Com acesso para carros de passeio, as duas rampas oferecem uma bela vista para quem sobe a serra mas não quer fazer trilha.

A rampa voltada para o norte tem vista para a cidade de Extrema, MG

A rampa voltada para o sul tem vista para Joanópolis e a Represa Jaguari, mais conhecida como Represa de Bragança ou Represa de Piracaia.

 

Trilha do Pinheirinho

Para os trilheiros que querem subir a serra caminhando, há uma trilha que começa em Extrema e chega na parte alta da estrada. Mas caso você queira chegar nos pontos das fotos abaixo sem andar desde a cidade, é possível deixar o carro perto da Torre da Embratel e caminhar até elas enfrentando pouco desnível.

Pedra Sapo

Caminhando a partir de Extrema pela Trilha do Pinheirinho, há 300 metros de elevação a ser ganho em 1,5 km de distância (apenas ida). Já para chegar a partir da Torre da Embratel, há 1,7 km de distância em uma descida de 150 metros.

 

Pedra Sacerdotisa

A Pedra Sacerdotisa fica em uma trilha que se inicia na Trilha do Pinheirinho, aumentando a distância em 1,4 km (ida e volta) e a elevação em 100 metros.